E Jesus, como fica?

 

Autoficção

Sociedade do espetáculo

Representação do real

Ficcionalização da vida

Discurso da subjetividade

Personagem, pessoa

Making of

O Eu como Outro

 

pensando nessas palavras, os filmes brasileiros recentes que me vêm imediatamente à mente são

Santiago

Jogo de cena

Waly Salomão

Filmefobia

etc

e sem dúvida

Jesus no país maravilha

 

JESUS NO PAÍS MARAVILHA optou por uma estética do escândalo. É a estética da desestabilização, que te obriga a rever teus sistemas de valor ou os valores do teu sistema. É assim que se faz documentário, vale qualquer coisa? Pode se entrevistar assim pessoas sofridas? Pode se tratar assuntos graves e urgentes em tom de palhaçada? Não, não pode. JESUS NO PAÍS MARAVILHA é um filme subversivo.